Butão – O país mais feliz do mundo

Butão – O país mais feliz do mundo

Além de ser o país mais feliz do mundo, Butão oferece ao seu visitante uma deslumbrante beleza natural, exóticos monastérios, encantadoras casas de madeira, artes e artesanato.

O Butão é um país budista no extremo leste do Himalaia, e viajar para este lugar é literalmente conhecer um outro universo que parece ter parado no tempo. Mesmo com tantos pontos positivos, não se escuta muito sobre o destino. Localiza-se nas profundezas da Cordilheira do Himalaia e viveu isolado durante séculos, o difícil acesso de entrada ao país ajudou o povo a preservar suas heranças culturais, como a arte e a arquitetura. Atualmente não é preciso muito para os turistas voltarem apaixonados de lá!

A chegada ao destino tem uma das vistas mais espetaculares em todo o Himalaia, a viagem oferece paisagens fascinantes e uma descida emocionante para o Reino. O primeiro presente do Butão ao desembarcar do avião será fresco e limpo, ar fresco da montanha.

As cidades mais visitadas do Butão são Paro, Thimphu, Gangtey e Punakha, e dentre elas encontram-se os pontos turísticos mais famosos, tais quais:

Chelle Lapass

Chelle Lapass está a uma altura de 3.988 metros, é considerado um dos lugares mais gerenciáveis do Butão. Cerca de uma hora de carro abaixo de uma estrada densamente arborizada, você vai encontrar este paraíso botânico, que oferece vistas deslumbrantes sobre a sagrada montanha Jomolhari e Jichu Drake. Também é marcada por centenas de bandeiras de oração acenando ao vento.  Se o tempo estiver claro, do caminho é possível ver as montanhas mais sagradas do país, o Monte Jomolhari.

Mosteiro de Taktsang

O Mosteiro de Taktsang é um dos mais famosos mosteiros do Butão, localizado no lado de um penhasco 900m acima do piso do vale Paro. Os butaneses afirmam que uma hora de meditação por lá equivale a três meses de meditação nos demais templos. Este sítio foi reconhecido como o local mais sagrado e visitado por Shabdrung Ngawang Namgyal em 1646 e agora é visitado por todos os nativos pelo menos uma vez em sua vida.

Punakha Dzong

Na cidade de Punakha existe o templo de Punakha, um importante centro de estudos budistas. O lugar também já serviu como sede do governo, mas hoje é sede da prefeitura local. Possui uma arquitetura incrível, típica do país, que irá encantar qualquer visitante. Muitos monges vivem por ali, pois o Central Monastic Body (Corpo Central Monástico) está localizado atrás, e em algum momento da vida, todos os monges butaneses vão morar por ali como parte de seus estudos.

Conheça o Butão e tenha acesso a uma cultura diferente, profunda e altamente rica de cultura e arte. O país por si só é reconhecido por ser um dos mais bonitos do mundo inteiro, seja pelas belezas naturais que a montanha traz, como também por todas as construções impressionantes. Para mais informações, entre em contato!

Paraísos Nórdicos

Os encantos da Lapônia

A Lapônia, região no extremo norte da Finlândia, é uma área que faz divisa com Suécia, Noruega e Rússia e é banhada pelo Mar Báltico.

LEIA MAIS >>